Pesquisa por sms: como fazer?

por Mariana Silva em 14/08/2020 ⇠ Veja outros Posts

De acordo com reportagem do Canal Tech, divulgada em 2018, os usuários de telefone móvel somavam 220 milhões em nosso país, em 207,6 milhões de habitantes em nosso país, segundo pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

Estamos em 2020, e esse número já deve ter crescido bastante. Se em 2018 o cenário já era animador, imagina agora? Por conta dessas circunstâncias, pensar em estratégias mobile é pensar em efetividade e abrangência.

Você precisa fazer pesquisas, mas nem sempre tem muita verba. Já cogitou a ideia de buscar opinião da população através do SMS? Muitas pessoas possuem celular, e com isso você pode atingir o eleitorado com pouco investimento e de forma mais simples que a de uma abordagem convencional. Quer saber como fazer isso? Acompanhe as dicas que daremos agora!

Construa uma base de dados coerente

Construa uma base de dados coerente

Uma das coisas mais importantes para o político é ter o contato de seu eleitorado. Isso pode contribuir em diversos aspectos, pois, o relacionamento com a população é parte fundamental em estratégias de campanha eleitoral e de mandato, garantindo o sucesso independente da fase em que o político se encontra.

Construir uma base de dados é muito importante para diversos aspectos como:

  • Geolocalização: saiba onde seus eleitores estão concentrados e identifique melhor potenciais estratégias que ajudariam a angariar mais pessoas para fortalecer determinada região.

  • Marketing: realize campanhas segmentadas por gênero, profissão, região, etc. Assim você conseguirá atingir melhor cada tipo de público.

  • Relacionamento: mantenha um histórico de interações de cada cidadão com o político e faça com que o atendimento de demandas seja descomplicado.

  • Contato: estabeleça uma rotina de contato com cada grupo dentro da sua base.

Uma coisa muito importante na hora de construir seu banco de dados, é ter em mente o quão importante é ela ser limpo. Comprar listas prontas é uma prática ilegal e nada efetiva. Muitos números nem existem mais e muitas daquelas pessoas não têm nenhum interesse no que você tem a dizer. Para que começar uma conversa com quem não está com vontade de te ouvir? Essa atitude, além de inconveniente, é considerada ineficaz, estrategicamente falando.

Por isso, construa sua lista de contatos a partir de uma concessão voluntária por parte da população. Você pode oferecer algo valioso a eles, como um conteúdo interessante, que faça valer a pena ter cedido aquelas informações pessoais. Assim, você vai tornar seus esforços mais efetivos, porque esses cidadãos nutrem algum tipo de empatia por você.

Além das vantagens que citamos anteriormente, construir um banco de dados vai ser imprescindível no momento de enviar sua pesquisa para os seus contatos. Se eles te passaram informações pessoais, muito provavelmente, estão dispostos a estabelecer algum contato com você. Isso facilita a obtenção de respostas e melhora a qualidade dos resultados que você obterá.

Conte com uma plataforma CRM de gestão de candidaturas e mandatos

Conte com uma plataforma CRM de gestão de candidaturas

Uma plataforma CRM (customer relationship manager, em português gestão de relacionamento) para candidaturas e mandatos irá te ajudar a construir a base de dados que você precisa. Ela possui opções de cadastro que vão integralizar os seus dados, mantê-los na nuvem de forma segura, possibilitando o acesso através de qualquer dispositivo, por qualquer pessoa de sua equipe autorizada por você.

Além disso, só sistemas desse tipo te dão a possibilidade de segmentar as informações e realmente transformá-las em dados. Porque quando elas estão em papéis ou espalhadas em planilhas elas são apenas notas, sem muito valor analítico. Em um CRM a possibilidade de se criar insights a partir do que foi inserido é muito maior e efetiva.

Outra funcionalidade muito importante é a possibilidade de fazer envios de SMS em massa. Você pode mandar mensagens para todos os seus contatos, ou para um segmento específico de sua base, de uma só vez. Sem precisar selecionar nome por nome, fazendo disparos um a um.

Essa prática torna essa atividade bem mais rápida e assertiva. Ela vai ter uma grande importância durante o processo de realização de sua pesquisa por SMS. Automatizando suas ações para que elas alcancem seus objetivos com mais facilidade.

Envie a mensagem

sms

Já sugerimos que a melhor de enviar seu SMS seria através de uma plataforma CRM de gestão de candidatura e mandatos. E essa recomendação se dá por dois motivos, que já citamos anteriormente, mas vamos reforçar para deixar bem claro.

O primeiro é que em um sistema desse tipo te dá plenos poderes para criar uma base de dados potente, que pode ser segmentada através de informações que você insere na plataforma. Segundo, porque ela tem uma ferramenta que permite fazer disparos de SMS.

Fazendo todas essas ações no mesmo lugar, você potencializa seu poder de alcance e objetiva a sua pesquisa, pois, você pode selecionar o seu público com mais facilidade. E conforme nossa orientação, sua lista de contatos vai ser limpa, e por isso, a possibilidade de obter respostas será maior.

O que perguntar?

perguntar

As perguntas podem ser de vários gêneros. Se você for candidato, você pode pedir a opinião sobre temas de sua plataforma política. Assim, você consegue medir a receptividade de seus planos para seu domicílio eleitoral. Pergunte também sobre a intenção de votos.

Se você estiver em mandato, procure saber a opinião da população em relação às pautas que serão votadas em assembleias ou demandas de uma região (esquema de orçamento participativo). Outro ponto que pode ser trabalhado é a posição dos cidadãos em relação a temas de interesse popular, que estão em voga no cotidiano.

Sempre inclua o pedido de resposta ao final de sua pergunta, para reforçar a necessidade de que o receptor continue essa conversa manifestando o seu ponto de vista. É interessante que as questões sejam simples e que, prioritariamente, possam ser respondidas com “sim” ou “não”. Assim, você terá maior facilidade na apuração e o sujeito terá mais ânimo para responder, já que não vai tomar tanto tempo.

Segmente por opções de resposta

Você pode segmentar o seu retorno através das respostas obtidas. Filtre, por exemplo as respostas “não”. Vendo quantas pessoas responderam sua pergunta dessa forma, você poderá terá um retorno de como o seu eleitorado pensa.

Essa é uma forma simples de apuração, que para acontecer precisa contar com uma estrutura de pergunta que propicie esse tipo de análise. Pense bem em como a questão será montada para que ela gere informações relevantes, que acrescentem de verdade à sua estratégia de comunicação para campanha eleitoral ou mandato.

Essa é uma forma barata e automática de se colher dados que vão ser a base de ações de marketing e relacionamento político e eleitoral. Para além disso, essa é uma maneira muito efetiva, pois, através de um telefone, o eleitor tende a ser mais sincero, pois, não corre o risco de se sentir intimidado por um pesquisador.

Se você gostou desse post continue nos acompanhando. Assine nossa newsletter e fique por dentro de tudo que postamos aqui no blog. Até a próxima!

Post escrito originalmente dia 17/07/2017 e atualizado dia 14/08/2020. 

Ebook: SMS para políticos guia completo

Mariana Silva

Mariana Silva é jornalista e especialista em marketing político e eleitoral. Escreve para o NeritPolítica e está sempre em busca do que há de mais novo no mundo da política.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Ligue agora:

11 4380-6606
Este site utiliza cookies para otimizar sua experiência durante a navegação. Ao continuar nesta página, consideramos que você concorda com a utilização de cookies. Ok, entendi.

© NeritPolítica

by nerit